Menu fechado

Garante Saúde: proteção aos mutualistas e suas famílias

O benefício permite financiamentos de até 80 salários mínimos, em contratos com até 36 parcelas 

Para enfrentar situações como as provocadas pelo COVID-19 – cujas ameaças à saúde são, muitas vezes, potencializadas pela dificuldade de acesso aos cuidados necessários durante a crise – a Mútua oferece aos associados e suas famílias o benefício Garante Saúde: um auxílio financeiro reembolsável para assistência médica, hospitalar e odontológica, bem como para a aquisição de medicamentos.

O Garante Saúde permite que o financiamento seja de até 80 salários mínimos, com comprometimento de até 30% da renda bruta familiar. O contrato pode ser realizado em 36 parcelas, com seis meses para início do reembolso, conforme opção e regulamento do benefício.

Tratamentos médico, hospitalar e odontológico  

Devem ser apresentados laudos ou prescrições do tratamento médico, hospitalar ou odontológico, acompanhados da respectiva previsão de custos. No caso de aquisição de medicamentos, deverão ser apresentadas as receitas médicas ou odontológicas, nominais ao associado ou a seu dependente.

Ao final do tratamento, o associado deverá apresentar o comprovante fiscal ou o recibo referente aos custos, dispensada a necessidade de comprovação de até 30% do recurso concedido, que visa cobrir despesas complementares.

O profissional deve ser associado há mais de um ano, estar em dia com a anuidade e o reembolso de benefícios, possuir idoneidade cadastral, ter capacidade de pagamento e estar adimplente com a anuidade do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) – mediante a apresentação de certidão de regularidade.

Juros de apenas 0,30% a 0,40% ao mês

Sobre o saldo devedor do empréstimo incidirão, mensalmente, juros de 0,30% a 0,40% ao mês, considerando o período de reembolso do benefício, e correção monetária calculada pelo INPC/IBGE médio dos últimos 12 meses.

Mais informações podem ser vistas aqui.

Fonte: Gecom Mútua 

Post relacionado

FONTES