Menu fechado

Associado em Destaque: Mútua-PB lança projeto em homenagem a mutualistas que fazem a diferença

Matéria que abre a série destaca a trajetória da associada Simone Guimarães, primeira mulher superintendente da Suplan

A Diretoria Regional da Mútua-PB lança, a partir deste mês, o projeto “Associado em Destaque”, uma homenagem simples aos associados e profissionais do Sistema, que fazem do exercício profissional um legado para a categoria e para a sociedade.

E para começar, apresentamos a engenheira Simone Guimarães, primeira mulher superintendente da Suplan – autarquia de obras do Governo do estado.

A engenheira que comanda mais de 100 obras públicas na Paraíba, fala da sua trajetória, família e revela luta contra o machismo.

Simone Guimarães

Simone Guimarães, natural de Campina Grande, se formou em Engenharia Civil pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), tem MBA em Auditoria e Gestão Ambiental e vem atuando no mercado de trabalho há mais de 20 anos. Foi gerente do Patrimônio Imobiliário da CINEP, antes de comandar uma das maiores autarquias de obras públicas da Paraíba – a Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan), que é vinculada à Secretaria de Estado da Infraestrutura.

A competência e o pulso firme de Simone frente às obras da Suplan são conhecidas pela imprensa paraibana, que, carinhosamente, a batizou de “Dama de Ferro”. Ela foi a primeira mulher a exercer o cargo de diretora técnica da Suplan e, em 2015, passou a ser diretora-superintendente da autarquia, sendo também a primeira mulher a exercer o cargo.

Em 2019 a engenheira seguiu o trabalho a convite do governador João Azevedo. Atualmente, Simone lidera mais de 500 homens e mulheres que estão ligados direta e indiretamente ao trabalho da Suplan.

Preconceito na área da construção civil – quase 5 anos de responsabilidade na gestão

Quando uma mulher exerce uma profissão que é, em sua maioria, ocupada por homens, tentam pôr em dúvida a competência dela ou estranham quando ela se apresenta como gestora, superintendente de uma autarquia de obras. “O preconceito ainda permeia a sociedade e é comum eu chegar em uma obra para vistoriar o trabalho e me deparar com aquela estranheza dos profissionais da construção civil. São atitudes machistas que muitas mulheres lidam dentro do ambiente de trabalho e comigo não é muito diferente”, destacou a engenheira.

Simone é uma representação da dificuldade que a mulher enfrenta não só para chegar ao mercado de trabalho ou alcançar cargos importantes na Engenharia Civil: “Em meio aos empecilhos postos à frente do meu trabalho, eu não desisto. Estou trabalhando em mais de 100 obras em andamento por toda a Paraíba, implementando tecnologias avançadas da construção civil e capacitando os profissionais que fazem parte da minha equipe da Suplan. Tenho enfrentado todo tipo de preconceito, mostrando minha competência através do meu trabalho”, disse.

Muitas obras passaram pela Suplan, sob o comando da engenheira Simone Guimarães, entre 2015 e 2019, projetos importantes como a conclusão do Centro de Convenções de João Pessoa com um dos maiores teatros do Nordeste, a ampliação da Vila Olímpica Parahyba, a conclusão das 12 escolas técnicas estaduais, as construções dos hospitais de Oncologia do Sertão e H. Metropolitano Dom José Maria Pires, o Viaduto Eduardo Campos (viaduto do Geisel) são apenas algumas dentre de muitas outras obras. “É preciso destacar que entramos o ano com muitas obras em andamento e o atual governador do estado não permitiu que nenhuma obra parasse. Atualmente, estamos trabalhando no projeto Bom de Bola, o programa representa a construção de ginásios nas escolas que ainda não têm o equipamento. Serão 90 unidades contempladas e as obras já foram iniciadas”, destacou.

Mútua-PB
Simone é associada da Mútua-PB desde 2012. Questionada sobre nunca ter solicitado nenhum benefício reembolsável, a mesma foi enfática ao dizer que: ” Não solicitei nenhum benefício ainda, mas ciente dos benefícios e condições que só o associado Mútua possui, não abro mão de minha adesão junto a Mútua, pois bem sei que no dia que precisar vou poder contar com a minha Caixa de Assistência”.

Simone – profissão, mulher e boa mãe
As funções de Simone não se limitam ao mercado de trabalho. Casada e mãe de dois filhos, Luquinhas e Belinha, seu trabalho se estende a cuidar da casa, do marido e dos filhos. Nos tempos livres Simone busca no seio familiar uma maneira de desopilar um pouco, seja cozinhando ou pintando nas horas mais livres e até mesmo viajando com a família. “São momentos que passam bem rápidos. Os meus pequenos, por exemplo, já estão bem grandes. Eu sempre fui uma mãe presente e mesmo enfrentando muitas dificuldades da vida, nunca abri mão disso: estar com eles é a coisa mais importante da minha vida”, disse.

Fonte e foto: Assessoria de Comunicação da Suplan (com inserções)

Post relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FONTES