Menu fechado

Tocantins, sede da 76ª SOEA e do 10º CNP, conclui a etapa estadual do Congresso de Profissionais

Calheiros falou sobre as atividades da Mútua e a importância da área tecnológica para o desenvolvimento nacional

Em Palmas, o Congresso Estadual de profissionais ocorreu nesta terça-feira, 9, no auditório do Victória Plaza Hotel. A manhã foi marcada por palestras da Mútua, do Crea Tocantins e dos Eixos temáticos que compõem o 10º CEP. A Mútua foi representada no evento pelo diretor de Tecnologia, eng. agro. e Seg. Trab. Cláudio Calheiros, e os diretores da Mútua-TO eng. amb. Itamar Xavier e eng. civil Marcione Coelho.

Durante a tarde, foram apresentadas e aprovadas as propostas das reuniões preparatórias que deverão seguir para a última etapa – a nacional, no CNP. Houve ainda, a eleição dos delegados que representarão cada região.
Entre as discussões, as principais proposituras rodeiam sobre eixos temáticos do Congresso. De acordo com o coordenador do CEP e mediador das discussões, Eng. Civ. Luiz Fernando Machado, os temas são atuais e levantam situações relevantes que merecem especial atenção do Sistema.

De acordo com o presidente do Crea Tocantins, eng. civ. Marcelo Costa Maia, a capital Palmas está no centro das atenções da Engenharia.” Este ano, em setembro, teremos eventos de importância nacional como a SOEA, Contecc e CNP. O importante é que os profissionais participem, pois é integrando ideias inovadoras que aperfeiçoamos nossa profissão e nosso Sistema”

Para Calheiros, o congresso permitiu expandir o conhecimento do que é a Caixa de Assistência aos Profissionais. “Passamos por uma crise e devemos resgatar a nossa participação para retomar o crescimento do país com a Engenharia”, destacou. O diretor detalhou alguns dos recentes avanços da Instituição, como o aumento do número de associados e das concessões de benefícios, frutos de melhorias implantadas desde sua gestão como presidente.

Reuniões preparatórias
A comissão do CEP percorreu 8 cidades do Estados, tendo o objetivo de ir em todos os extremos do Tocantins para a participação dos profissionais serem mais acessíveis e democráticas. As cidades percorridas foram: Guaraí, Colinas, Augustinópolis, Araguaína, Paraíso do Tocantins, Gurupi, Arraias e Dianópolis. As reuniões preparatórias e o CEP ocorreram com o apoio do Confea e da Mútua.


 
Fonte: Crea-TO (com inserções)
Fotos: Crea-TO

Post relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FONTES