Menu fechado

Documentos Necessários

BENEFÍCIO REEMBOLSÁVEL ESPECIAL COVID-19

FINALIDADE

Assegurar auxílio emergencial reembolsável aos associados que se encontram em situações de vulnerabilidade social e financeira tais como custeio de tratamentos médicos, medicamentos e/ou perda de renda, ocasionadas pela pandemia da Covid-19.

PRÉ-REQUISITO À CONCESSÃO

  • Ser associado há pelo menos 12 meses;
  • Estar adimplente com anuidades e reembolso de benefícios;
  • Possuir idoneidade cadastral;
  • Ter capacidade de pagamento; e
  • Estar adimplente com a anuidade do Crea.

LIMITE DE CONCESSÃO

Até R$ 12.000,00*

* Comprometimento de até 30% dos renda líquida familiar
* A concessão do benefício ficará na dependência da 
disponibilidade orçamentária e financeira da carteira.

PRAZO DE REEMBOLSO

Em até 42 meses, incluída carência de até 6 meses, conforme opção do associado.

JUROS E CORREÇÃO

Sobre o saldo devedor do empréstimo, incidirá, mensalmente, a correção monetária calculada pelo INPC/IBGE médio dos últimos 12 meses, acrescida de juros de 0,30% a.m independente do prazo de reembolso.

TAXAS DE ADMINISTRAÇÃO DE QQB

Serão debitadas do empréstimo a taxa de administração, no valor de R$ 52,00 – para cobrir as despesas bancárias e de correio -, e a Quota de Quitação de Benefício (QQB) – 0,72% a.a, que garante a quitação do pagamento do empréstimo em caso de falecimento ou invalidez total e permanente por acidente do associado.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS

REQUERIMENTO ELETRÔNICO

Preenchido pelo associado na plataforma de solicitação online da Mútua.

DOCUMENTOS PESSOAIS

  • Carteira de identidade, CPF ou carteira do Crea.
  • Comprovação de estado civil e de residência; e
  • Declaração atualizada do Imposto de Renda com o respectivo recibo de entrega e outros documentos que comprovem renda familiar.

COMPROVAÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE RECURSOS

Relatório elaborado pelo próprio associado informando sobre a situação de vulnerabilidade social ou financeira ocasionada pela pandemia do COVID-19, contendo as despesas e gastos inerentes.

COMPROVAÇÃO DE RENDA FAMILIAR (associado, cônjuge ou companheira)

Empregado Coletista: Último contracheque e a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), com assinatura do portador, qualificação civil e contrato de trabalho.

Empregado estatutário: Último contracheque.

Proprietário de empresa: Certidão Simplificada da empresa, emitida pela Junta Comercial (emitida há menos de 30 dias da data do requerimento).

Profissional autônomo: Contrato de prestação de serviço com os respectivos comprovantes.

Caso não tenha contrato de trabalho, apresente a declaração 
comprobatória de percepção de rendimentos – DECORE aprovado pelo 
Conselho Federal de Contabilidade (resolução CFC n.º 872, de 23 
de março de 2000), original, devidamente emitido por profissional 
habilitado e seu período deverá ser relativo à média 
dos últimos 3 meses.

Profissional aposentado: Último extrato do INSS e/ou comprovante da aposentadoria complementar.

OBS: O Benefício Reembolsável Especial – COVID-19 será pago, 
exclusivamente, em conta corrente ou poupança em nome do associado. 
Para comprovar a veracidade das informações prestadas, a MÚTUA, 
quando julgar necessário, poderá proceder averiguações, solicitar 
documentos complementares não relacionados acima.
FONTES