Menu fechado

Amazonas recebe Workshop sobre Engenharia de Manutenção

O presidente Paulo Guimarães marcou presença no evento, que faz parte do Projeto Cresce Brasil

 

Paulo Guimarães defendeu o fortalecimento das instituições do sistema Confea/Crea e Mútua e a união de esforços em defesa da Engenharia de Manutenção

O workshop Engenharia de Manutenção predial e em grandes estruturas: aspectos técnicos e oportunidades de mercado, ocorreu nessa quinta-feira (31), em Manaus (AM), e discutiu aspectos técnicos e oportunidades de mercado da Engenharia de Manutenção. O presidente da Mútua, Paulo Guimarães, participou do evento, que faz parte do Projeto Cresce Brasil, da Federação Nacional dos Engenheiros e do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Amazonas (Senge-AM).

Paulo Guimarães defendeu o fortalecimento das instituições do sistema Confea/Crea e Mútua e a união de esforços em defesa da Engenharia de Manutenção. “Devemos cobrar, dos poderes públicos, que deem prioridade para a Engenharia de Manutenção, que, de fato, não recebe a merecida atenção”, defendeu.

“Nós, na Mútua, temos feito o possível para fortalecer as instituições e sabemos que, aqui no Amazonas, o trabalho vem sendo realizado por uma somatória de esforços dos profissionais, das instituições, e que são responsáveis por diversos avanços no Estado”, afirmou.

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Aronomia (Crea-AM), Afonso Lins, agradeceu a participação da Mútua nos esforços empreendidos pelo projeto Cresce Brasil e lembrou que o presidente Paulo Guimarães participa das ações em defesa da Engenharia desde 2006. “E vem junto conosco, discutindo esses assuntos em todas as capitais do país. É importante reconhecer que esse trabalho faz com que a engenharia atue unida no país”, explicou.

Na oportunidade, foram sorteadas bolsas integrais para o curso de extensão em Engenharia de Manutenção da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Fonte: Gecom Mútua.

Foto: Caixa-AM.

Post relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FONTES