Semana de conciliação no Pará tem saldo positivo com resultados além das renegociações

O que era inicialmente um trabalho de uma semana, foi prorrogado por mais uma semana devido à grande procura e aos desdobramentos advindos da campanha

De 19 a 30 de junho, a Mútua-PA, com o apoio das Gerências de Cobrança e Jurídica da Instituição, realizou mais uma edição regional da campanha de Semana de Conciliação. O projeto visou oferecer condições diferenciadas aos associados do estado com pendências de parcelas de benefícios reembolsáveis e, inicialmente, aconteceria de 19 a 23, mas, devido à grande procura pelo atendimento no âmbito do programa, se estendeu por mais uma semana.

Foram atendidos mais de 50 associados, com tratativas referentes a contratos com ações judiciais em curso e parcelas em aberto. Pelas regras do programa de conciliação e analisando caso a caso, foram aplicados parâmetros específicos para facilitar a renegociação com os associados. “A semana veio coroar o projeto da Regional Pará, que desde o início da gestão, em 2015, tem se empenhado em diminuir a inadimplência. A iniciativa se revestiu de grande sucesso face a procura e a satisfação dos associados, principalmente os mais antigos, pela oportunidade de poder cumprir seus compromissos, buscando a adimplência junto à Mútua”, ponderou a diretora geral da Mútua-PA, eng. agr. Ana Maria Pereira de Faria, que acompanhou e participou dos trabalhos de conciliação durante as duas semanas.

A supervisora da Regional, Helen Costa, com o colaborador Igor Vasconcelos – da Gerência de Cobrança da Mútua – que participou dos trabalhos da Semana no PA junto aos colaboradores Caixa

As condições conciliadas se mostraram acessíveis ao desembolso dos associados, com a dilatação do prazo de cobrança, eliminação de multa e juros, custas processuais e até honorário advocatícios nos casos possíveis. Muitos associados destacaram a relevância da iniciativa da Mútua, enfatizando que dessa maneira, mais uma vez, a Caixa de Assistência mostra seu papel de amparo aos profissionais. Diversos participantes relataram a forma como a proposta foi conduzida, desde o atendimento da equipe até os requisitos diferenciados disponibilizados.

O momento difícil que o país passa, devido a atual conjuntura política e econômica, em que muitos profissionais estão desempregados, também foi outro ponto elencado pelos mutualistas contemplados pela iniciativa, defendendo a realização da Semana de Conciliação. Além disso, associados já desligados da Mútua ressaltaram que a renegociação dos benefícios em débito pode representar a reintegração ao quadro associativo da Caixa de Assistência, e que isso também corrobora o posicionamento da Instituição de apoio e entrega de oportunidades, por meio de seus benefícios, aos profissionais.

Desdobramentos

A Semana de Conciliação ainda teve outros desdobramentos positivos para a Mútua, além das renegociações, como inscrição de novos associados – cujas informações sobre a Mútua foram levadas por mutualistas atendidos durante a campanha -, proposta de novo convênio para o Clube Mútua de Vantagens, atualização cadastral, estreitamento do relacionamento com associados, além da autonomia da Mútua-PA para conduzir o processo da primeira negociação de benefício com os associados inadimplentes.

“Podemos afirmar que ações como essa demonstram a disposição da Mútua em expandir seu conceito social e atender com qualidade e sensibilidade a todos os associados”, conclui a diretora geral da Regional paraense.

 

Fonte: Gecom/Mútua

Foto: Mútua-PA

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.