Projeto PIM é apresentado no Preparatório do Fórum Mundial da Água, no ES

O último dia do evento Preparatório da Engenharia para o 8º Fórum Mundial da Água, realizado pelo Confea, Crea-ES e a Mútua desde segunda-feira (10) em Colatina (ES), começou com uma apresentação do diretor de Tecnologia da Mútua, eng. civil Marcelo de Oliveira Morais, abordando o projeto de desenvolvimento do Programa de Inclusão da Mútua – PIM.

Conforme o diretor da Caixa de Assistência explicou, o Programa visa atender aos associados e dependentes com deficiência física e intelectual, com financiamentos para tratamentos de saúde e aquisição de equipamentos adaptados, doações de sistemas de tecnologias assistivas e ofertas de condições especiais em produtos e serviços, por meio de parcerias com empresas e indústrias.

“É um projeto ainda em desenvolvimento, que queremos a contribuição dos senhores e que teremos a parceria e anuência do Confea e o apoio dos Creas”, indicou ele, comentando que se inspirou em uma história pessoal para construir a proposta. Morais vivenciou as dificuldades de uma escoliose severa que acometeu sua filha durante a infância e adolescência.

Ao lado do diretor da Mútua, durante sua exposição, estiveram o vice-presidente do Confea, eng. agr. Daniel Salati, e o presidente da Associação Brasileira de Engenharia Agrícola (SBEA), eng. agric. Paulo Estevão Cruvinel. Os dois parabenizaram a Mútua pela iniciativa, enfatizando o papel social que a Instituição presta aos profissionais.

”Sou mutualista há muito tempo, mas, por sorte, nunca precisei utilizar os benefícios reembolsáveis. Contudo, tenho muitos amigos profissionais que necessitaram do auxílio e foram prontamente atendidos”, afirmou Salati, indicando que, por outro lado, inscreveu-se no TecnoPrev, o plano de previdência complementar da Mútua, como forma de investimento e complemento da aposentadoria. Cruvinel também reconheceu a relevância do PIM. “Iniciativa extremamente louvável, de valorização da vida”.

O evento, que acontece no Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), Campus Colatina, termina no final da tarde desta quarta-feira (12). Outras cinco etapas do Preparatório estão previstas para acontecer até o final do ano. Como resultados dos eventos, uma compilação do posicionamento e das propostas da área tecnológica brasileira será apresentada no 8º Fórum Mundial da Água, que ocorrerá em março de 2018, em Brasília.

 

Fonte e fotos: Gecom/Mútua

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.