Espírito Santo realiza Congresso de Profissionais

O presidente Paulo Guimarães e a diretora administrativa Giucelia Figueiredo marcaram presença no evento  

Mesa de abertura, com presença do engenheiro civil Darc Costa (esquerda), palestrante patrocinado pela Mútua, os presidentes da Mútua, Paulo Guimarães, e do Confea, Joel Krüger (ao centro), e a diretora da Caixa, Giucelia Figueiredo (direita)  

Profissionais e estudantes de todo o Espírito Santo participaram, em 6 de julho, do 10º Congresso Estadual de Profissionais (CEP), realizado no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). O evento aponta melhorias e propostas para as práticas e regulamentos profissionais das áreas tecnológicas.

O presidente da Mútua, Paulo Guimarães, e a diretora administrativa da Caixa de Assistência, Giucelia Figueiredo, marcaram presença no evento.

Participaram da reunião os delegados eleitos nos encontros microrregionais realizados em Cachoeiro de Itapemirim (16/5) e Colatina (21/5), São Mateus (30/5), Linhares (04/06) e Região Metropolitana (06/06).

Já os delegados eleitos pelo estado participarão do Congresso Nacional de Profissionais (CNP), realizado de 19 a 21 de setembro, em Palmas (Tocantins).

Palestra Magna

A programação incluiu a palestra ministrada pelo engenheiro civil Darc Costa, ex-vice-presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e integrante do grupo de pesquisa e desenvolvimento do Centro de Estudos Estratégicos da Escola Superior de Guerra, onde já atuou também como conselheiro. A apresentação foi patrocinada pela Mútua.

Costa foi especialmente convidado para falar sobre As Estratégias da Engenharia, da Agronomia e das Geociências para o Desenvolvimento Nacional e abordar questões como dívida pública, distribuição de renda, integração territorial, industrialização e desafios para o país.

Também ocorreu a apresentação do engenheiro industrial mecânico e professor universitário Durval Vieira de Freitas, que abordou os desafios de desenvolvimento no Espírito Santo.

Conselheiro federal Carlos de Laet Simões Oliveira, presidenta do Crea-ES, Lúcia Helena Vilarinho Ramos, diretora geral da Caixa-ES, Leila Issa Vilaça, diretora administrativa da Mútua, Giucelia Figueiredo, e presidente do Confea, Joel Krüger, no Fórum das Mulheres

Fórum Capixaba de Mulheres

No evento, o Crea-ES lançou, também, o Fórum Capixaba de Mulheres da Área Tecnológica, que contou com a presença da vice-governadora do estado, Jaqueline Moraes. O encontro debateu políticas institucionais e sociais voltadas para o público feminino e provocou discussões sobre igualdade de gênero e paridade salarial, com intervenções no âmbito dos poderes municipal, estadual e federal.

Jaqueline Moraes destacou a recente presença de mulheres em posições de destaque. “Como vice-governadora estou tendo a oportunidade de escrever a história do Espírito Santo, já que sou a primeira mulher a ocupar este espaço, assim como a Lucia Vilarinho, aqui presente, que é também a primeira mulher a ocupar a presidência do Crea-ES. Isto é importante, porque incentivamos e damos visibilidade para que mais mulheres se sintam empoderadas a ocuparem seu lugar de fala”, ressaltou.

De acordo com os últimos dados do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), apenas 13% dos profissionais registrados no Sistema Confea/Crea são mulheres. Para Lúcia Vilarinho, esse é o momento ideal para ampliar a participação feminina. “O Fórum precisa avançar nas discussões para ampliar a participação das mulheres na área tecnológica”, ressaltou.

Fonte: Gecom Mútua / Com informações do Crea-ES.

Fotos: Crea-ES e Caixa-ES.

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.