Em Manaus, Regionais se juntam para Reunião das Caixas Norte

Discutir temas importantes para uniformização e alinhamento dos procedimentos nas Regionais, além de propostas levantadas por cada uma das Caixas participantes. Foi com este propósito que as Diretorias Regionais das Caixas Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins se reuniram, nos dias 26 e 27 de junho, em Manaus, para a 10ª Reunião das Caixas Norte.

Com a presença dos diretores executivos, Paulo Roberto de Queiroz Guimarães (presidente) Jorge Roberto Silveira (Benefícios), Gerson de Almeida Taguatinga (financeiro) e Júlio Fialkoski (administrativo), a Reunião teve pauta permeada por temas importantes, como o SisART – Sistema de Emissão de ART Nacional; planos de Saúde; eleições 2017; adequação das estruturas e aquisição de sedes para as Regionais e execução e reformulação orçamentária, dentre outros.

Presidente do Crea-AM

Convidado para a Reunião, o Presidente do Crea-AM, Claudio Guenka, congratulou a realização das reuniões regionais e a participação dos diretores executivos nas Plenárias do Confea. De acordo com ele, as críticas ao Sistema Confea/Crea e Mútua existem, mas afirmou aos presentes que, como líderes do Sistema, estes precisam ter o cuidado de formulá-las de forma construtiva, para que seja possível identificar os problemas e partir para as soluções. “Por isso, considero esses encontros importantes para a discussão e defesa dos interesses das Caixas de Assistência a fim de que possamos, de fato, nos fortalecer enquanto Sistema”, salientou.

Sobre a aquisição de sede para a Caixa AM – tema constante da pauta – Guenka salientou que o prédio cotado pela Mútua-AM é diferenciado e sua aquisição é uma oportunidade de valorização para a Instituição. “O Imóvel em questão vai servir à Caixa AM, mas será um patrimônio para a Mútua”.

Paulo Guimarães

Fazendo coro à fala inicial de Guenka, Paulo Guimarães reforçou a ideia de unidade no Sistema. De acordo com o presidente da Mútua, a exemplo do Amazonas – onde há uma sintonia perfeita entre o Crea e a Caixa – os Conselhos Regionais precisam ver a Mútua como parceira, e não como concorrente. “É fundamental a atuação do conselheiro federal na defesa da Mútua e para somar junto à Instituição. Peço a cada um de vocês essa aproximação com o seu conselheiro federal e presidente de Crea. Se surgir alguma questão, converse para chegar ao entendimento, porque o Sistema é único e é somando que teremos mais força para defendê-lo”.

Jorge Silveira

Jorge Silveira endossou a fala do presidente, afirmando que as críticas sempre serão ouvidas e bem-vindas, mas que é preciso saber o momento e local ideal para fazê-las. “Momentos como este, de reunião das Caixas, são ideais, pois aqui é possível debater, corrigir e trabalhar para que todas essas arestas sejam aparadas. Lá para fora levemos não as críticas, mas os bons exemplos que temos dentro do Sistema”, ponderou.

Júlio Fialkoski

Em sua fala, Júlio Fialkoski lembrou que mesmo este sendo um ano festivo para a Mútua – pela comemoração do seu Jubileu de Rubi – é, também, um ano de eleições, o que traz preocupações e incertezas que são potencializadas pelo cenário político que o país atravessa. “É um ano de muita reflexão para a Engenharia e para a Agronomia. Nós temos a chave para a saída desse cenário: nós que plantamos, construímos e administramos. Então, cabe a nós darmos a nossa contribuição para achar a luz no fim do túnel. Espero que este seja um momento para buscarmos essas soluções”.

 

Coordenador das Caixas Norte

João José de Souza Cruz, diretor geral da Caixa TO e coordenador das Caixas-Norte, conclamou todos os presentes a desenvolverem a reunião de trabalho apresentando propostas que objetivem engrandecer e melhorar a Mútua e seus benefícios, levando sempre o melhor aos profissionais do Sistema Confea/Crea e Mútua”. Também tiveram falas, onde desejaram boas vindas e uma boa estada em Manaus aos participantes, o conselheiro federal pelo Amazonas, Wagner Ornellas Lopes, e o ex-conselheiro federal, Alonso Alencar Queiroz.

A presidente da Associação dos Engenheiros Ambientais do Amazonas (Aenabam), Janete Fernandes da Silva, também foi convidada para a reunião. Ela falou sobre a parceria que a Associação vem desenvolvendo com a Caixa, de divulgação e incentivo de associação junto aos profissionais e sobre a recepção no encontro das Caixas Norte. “Eu e meus diretores fomos muito bem recebidos. O presidente Paulo Guimarães se mostrou muito receptivo e por dentro do trabalho desenvolvido pela nossa Associação. Acredito que com essa gestão nós e os profissionais estamos muito bem atendidos”.

Avaliações

Ao fim dos trabalhos, os diretores das Regionais presentes foram convidados a avaliar os resultados da reunião. O diretor geral da Caixa anfitriã do evento, Teishin Guenka, agradeceu a presença e o empenho de todos que, para ele, foi fundamental para o sucesso dos trabalhos.

 

 

Compondo a mesa, Teishin (esquerda) agradeceu a participação dos colegas do Norte

 

Carmem Nardino

Carmem Bastos Nardino, diretora geral da Caixa AC, afirmou que o evento foi muito bom. “Foram pontuadas algumas situações que as Caixas da Região Norte vêm enfrentando e tomamos decisões de extrema importância para o aprimoramento das ações nas Regionais”.

 

 

Michelli Bessa

Michelli das Mercedes Bessa Silva, diretora geral da Caixa AP, elogiou o encontro por ter sido bem objetivo. “As propostas apresentadas foram muito interessantes, principalmente a de aquisição de sedes para as Caixas do Norte, pois pagar aluguel é complicado, especialmente para nós das Caixas pequenas. Com essa economia poderemos investir em inovações e melhores serviços aos associados”, ponderou a diretora.

 

Gilmário Drago

Gilmário da Silva Drago, diretor administrativo da Caixa PA, também achou a reunião bastante promissora. “Realmente tratamos dos assuntos pendentes, foram acrescidas algumas novas propostas importantes para todas as Caixas, que balizarão as futuras reuniões”, opinou.

 

 

Diretores da Mútua-RO

Carlos Antônio Xavier, diretor geral da Caixa RO (à direita), sintetizou o sentimento dos demais diretores da sua Regional: “Saímos com a satisfação de estarmos contribuindo para que a Mútua aperfeiçoe seus programas de assistência ao profissional. Acredito que esses dois dias de encontro contribuem muito para que tenhamos uma Mútua maior, que nos seus 40 anos de existência possa atender cada vez melhor aos seus associados”.

Roberto Suetônio

Roberto Suetônio da Silva Gomes, diretor-geral da Caixa RR, também classificou a 10ª Reunião como muito proveitosa. “Muitas coisas de relevância foram discutidas, como a questão dos benefícios para as Caixas com menores recursos e a aprovação, por parte da Direx, da aquisição da Sede para a Caixa AM, dentre outros temas. Acredito que tiramos o máximo de proveito do encontro”.

 

 

Diretores da Mútua-AC

Diretores da Mútua-AM

Diretores da Mútua-AP

Diretores da Caixa-PA

Diretores da Caixa-TO

Diretores da Mútua-RR

 

Fonte e fotos: Gecom/Mútua

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.