Dia do Engenheiro Mecânico é incluído no calendário comemorativo do Sistema

Com a aprovação prévia de milhares de profissionais, consultados por meio do site do Confea, a inclusão do Dia do Engenheiro Mecânico no calendário de datas comemorativas do Sistema foi definida no encerramento da plenária 1.445, nesta quarta (22). No período da manhã, o plenário havia recebido o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB).

A data de 5 de junho refere-se ao nascimento do industrial Delmiro Gouveia (1863-1917), considerado um pioneiro da interiorização do desenvolvimento do país. Ele instalou a primeira fábrica de linhas de costura do País e construiu a segunda hidrelétrica brasileira, a de Paulo Afonso, entre Alagoas e Bahia. Cerca de 88% dos 32 mil profissionais que participaram da enquete promovida pela Comissão de Articulação Institucional do Sistema (Cais), no site do Confea, manifestaram-se favoráveis à homenagem.

Paulo Guimarães e Jorge Silveira assinam termo de colaboração com o TCU

A assinatura de um termo de colaboração de apoio técnico e jurídico da Mútua com  o Tribunal de Contas da União também marcou o último dia da plenária. “Desde o início da gestão, a diretoria tem enfocado a atuação em conjunto com o plenário. Assim como entramos na defesa da ART e fomos vencedores, atualizando a Mútua em parceria com o Sistema, estamos juntos nesse momento para garantir a boa qualidade perante os órgãos de controle externo e a justiça nos assuntos afeitos ao fortalecimento da  Engenharia Nacional”, comentou o presidente da Mútua, Paulo Guimarães, que, ao lado do diretor de Benefícios, Jorge Roberto Silveira, anunciou a realização de um evento com os conselheiros para que todos conheçam a sede da Caixa de Assistência dos Profissionais do Sistema Confea/Crea. “Tem sido uma parceria, ajudando todos aqui no Conselho”, ressaltou o presidente em exercício do Confea, Daniel Salati.

MAPA

Durante a plenária, a CAIS promoveu ainda o primeiro passo para a formalização de acordo de cooperação técnica do Confea com a Superintendência Federal de Agricultura, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – SFA/Mapa/DF. O acordo visa à promoção de ações para a capacitação, voltadas à assistência técnica na área da Engenharia e da Agronomia para servidores e profissionais do Sistema, sem ônus para este.

A iniciativa também promoverá o aperfeiçoamento dos serviços públicos prestados pela SFA/MAPA, otimizará a fiscalização do exercício e das atividades das profissões inseridas no Sistema e atenderá ao púbico voltado para políticas agrícolas no Distrito Federal e nos municípios que compõem sua Região Integrada de Desenvolvimento – Ride. “Eles colocarão as áreas físicas deles para cursos ou eventos do Confea, sem ônus para nós. A Mútua também está interessada e, possivelmente, será incluída no acordo”, comentou o presidente em exercício do Confea.

A convite de Daniel Salati, o professor da Universidade Federal de Viçosa, eng. agric. Márcio Costa, que estava na companhia de alunos do curso, teve a experiência de participar da mesa condutora da plenária.

 

Fonte:  Confea

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.