Crea-GO realiza 1ª Reunião Técnica sobre a Utilização do Agregado Reciclado em Goiânia

O Crea-GO promoveu nesta sexta-feira (26), no Plenário do Regional, a 1ª Reunião Técnica sobre a Utilização do Agregado Reciclado em Goiânia. O evento, que contou com cerca de 30 participantes, teve como objetivo demonstrar a viabilidade técnica, ambiental e econômica da utilização dos produtos resultantes da reciclagem dos resíduos da construção civil na cadeia produtiva, além de mostrar a destinação correta das sobras de materiais de construção e de demolição, demonstrar a enquadramento dos agregados reciclados nas normas técnicas vigentes e apresentar as possibilidades de aplicação do agregado reciclado e seu ganho econômico.

Na abertura do evento, o presidente do Crea, Eng. Francisco Almeida, afirmou esperar que a reunião renda bons frutos. “Queremos montar um Grupo de Trabalho para reunir propostas técnicas e encaminhar soluções não só para a prefeitura de Goiânia, mas a todo o Estado. Queremos difundir em Goiás a utilização desse material que está sendo desperdiçado”, destacou o presidente.

Palestras – A primeira palestra da reunião, “Reciclagem de resíduos de construção e demolição”, foi ministrada pelo Eng. Amb. Nelson Siqueira Neto, da RNV Resíduos, que tratou dos ganhos ambientais, sociais e econômicos da reciclagem. “Falamos de algumas formas de utilização de resíduos de construção e demolição, que podem englobar obras de infraestrutura, construção civil, saneamento e outras. É importante difundir essas ações, já que a quantidade de entulho que temos hoje é um grande problema”, explicou.

Com o tema “Utilização de agregados reciclados”, a segunda palestra do evento foi apresentada pelo conselheiro do Crea, Eng. Civ. Ulysses Barbosa Sena, que também é Diretor de Obras da Prefeitura de Aparecida de Goiânia. Durante sua fala, o conselheiro falou sobre como os agregados têm sido utilizados em Aparecida de Goiânia. “Falamos também de como é importante que os agregados sejam reutilizados, uma vez que isso proporciona diminuição nos impactos ambientais e economicidade em relação ao preço final do produto”, frisou.

A terceira palestra, “Utilização de agregados reciclados em base e sub-base”, foi proferida pelo Eng. Civ. Leonardo Mazarin Febrini, do Alphaville Urbanismo, que falou sobre o que chamou de “o maior projeto de pavimento ecológico em Goiás”, os Terras Alpha I e II, nos quais foram utilizados agregados provenientes da reciclagem. “A intenção da palestra foi mostrar que a reciclagem é viável e seus produtos têm boa qualidade. Precisamos tornar isso uma prática em outros empreendimentos, já que é uma tecnologia tão correta”, declarou.

Já a última palestra, “Utilização de agregados reciclados em concreto não-estrutural”, foi ministrada pelo Eng. Civ. Paulo Márcio Viana, da Ltec – Laboratório Técnico e Engenharia. Em sua fala, o engenheiro falou sobre resíduos gerados pela construção civil e demolições, “tratamos de parâmetros técnicos desses resíduos, como peso específico, massa específica dos sólidos, ângulo de atrito e coesão, além da variabilidade desses parâmetros. Demos também vários exemplos de como usar os resíduos em sistemas estruturados na engenharia”. Entre os exemplos, Paulo citou obras de drenagem, de reconstrução de canais, na estabilidade de encostas, calçadas e outros.

Na parte final do evento, os temas “Qualidade das obras que utilizam agregados reciclados” e “Planilha de custos” foram debatidos entre os convidados.

Fonte: Crea-GO.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.