Confea celebra seus 85 anos 

As homenagens marcaram esta terça-feira (11), data em que também se comemora o Dia do Engenheiro

Na solenidade, o presidente do Confea destacou a contribuição das mulheres, convidando à mesa a diretora administrativa da Mútua, Giucelia Figueiredo, e a engenheira Agueda Lúcia Avelar, que representou os empregados do Conselho

Instituído pelo Decreto nº 23.569, de 11 de dezembro de 1933, o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) realizou, nesta terça-feira, a celebração em homenagem aos 85 anos do órgão, com Sessão Solene no Plenário e entrega de placas comemorativas aos conselheiros titulares, suplentes e à Mútua. Na oportunidade, foi também descerrada uma Placa Comemorativa, alusiva à data, instalada no hall de entrada do Edifício Sede. A Mútua também prestou homenagem ao Confea, entregando uma placa ao presidente do Conselho Federal, Joel Krüger.

No evento, houve ainda a comemoração dos 50 anos dos Creas de Alagoas, Paraíba e Goiás, os 45 do Crea Maranhão e os 60 anos Crea Santa Catarina.

O presidente da Mútua, Paulo Guimarães, recebe a placa comemorativa dos 85 anos do Confea 

Além do presidente do Confea, participaram da mesa do evento o vice-presidente do Conselho, Edson Delgado, o presidente da Mútua, Paulo Guimarães, a diretora administrativa da Mútua, Giucélia Figueiredo, o conselheiro federal Daniel Salati e a engenheira e empregada do Confea, Agueda Lúcia Avelar.

Todos destacaram a constante presença da Engenharia nos diversos campos da vida das pessoas e a relevância desse campo tecnológico para o desenvolvimento econômico e social do Brasil. “Tudo passa pela Engenharia e nós somos os protagonistas do desenvolvimento nacional; precisamos defender os interesses do país e a soberania nacional”, declarou Krüger.

A engenheira Agueda Avelar afirmou a honra de representar todos os empregados do Confea e os profissionais da área. “Eu gostaria de destacar que tive a oportunidade de participar das comemorações dos 50 anos do Confea. E, como engenheira, o meu desejo é que neste momento em que comemoramos 85 anos, possamos começar uma nova etapa, com novos desafios e trabalhando com mais afinco e mais amor, com todos os profissionais do país”, defendeu.

O conselheiro federal Daniel Salati iniciou sua participação com um comentário bem-humorado, destacando: “Eu também estive presente à comemoração dos 50 anos e pretendo estar aqui, na comemoração dos 100 anos do Confea. Espero contar com a presença de todos vocês”, festejou. “Presidente Joel, nós do Confea somos respeitados em qualquer lugar que estivermos, pela importância e qualidade do trabalho realizado por este Conselho. Sei que é uma responsabilidade difícil de carregar, mas vá em frente e saiba que nós estaremos sempre junto, ajudando a construir o desenvolvimento e o futuro do Brasil”, exortou Salati.

A diretora Giucelia Figueiredo e o presidente Paulo Guimarães 

“Estamos aqui comemorando os 85 anos de um Sistema que é poderoso pela própria natureza. E é uma emoção muito grande participar desse trabalho, no momento em que o Sistema entra numa nova etapa da sua história e assume o protagonismo da Engenharia e da soberania nacional”, ressaltou Giucélia. A diretora administrativa da Mútua fez questão, também, de valorizar o trabalho dos diversos profissionais, inclusive anônimos, que realizam a Engenharia brasileira, destacando principalmente a atuação das mulheres.

O presidente da Mútua, Paulo Guimarães, explicou que o objetivo da Caixa de Assistência, neste momento em que o Confea chega aos 85 anos, é estar cada vez mais próximo dos profissionais do Sistema. “Com a parceria do Confea e desse Plenário, nosso objetivo é levar a Mútua cada vez mais próxima dos engenheiros e engenheiras, que como todos nós, agora comemoram os 85 anos dessa importante instituição. A Mútua, como braço assistencial, tem também o propósito de fortalecer as entidades da área tecnológica e contribuir para que os nossos associados, os nossos profissionais e a comunidade tecnológica como um todo estejam cada vez mais envolvidos com o Sistema Confea/Crea e Mútua”, confirmou.

O presidente do Confea junto ao presidente Paulo Guimarães, a diretora administrativa Giucelia Figueiredo e o diretor de Tecnologia Cláudio Calheiros  

O vice-presidente do Conselho, Edson Delgado, lembrou as mudanças e melhorias recentes que afetaram o Confea e parabenizou os demais conselheiros e profissionais.

“Nós somos os protagonistas da história do Brasil. Tudo passa pelas mãos da Engenharia nas 24 horas do dia. Precisamos estar à frente e contribuir com o desenvolvimento nacional, para que o nosso sistema profissional esteja na vanguarda das transformações e traga bem-estar para a nossa população”, finalizou Joel Krüger.

Presidente Joel recebe a placa em homenagem aos 85 anos do Confea

Exposição da Memória e do Dia do Engenheiro

Exposição retratou momentos importantes da história do Confea

No saguão do Conselho Federal, duas exposições foram inauguradas. A primeira, com fotos, placas e documentos que registram os acontecimentos mais importantes da história do Confea, da memória da instituição. “Tivemos que fazer o garimpo, resgatar informações em revistas, documentos, fotos disponíveis no Conselho”, conta Socorro Ferro, da área de documentação da Instituição.

Já a segunda exposição é composta por doze telas, com cenas do cotidiano profissional de diversos campos da Engenharia, que ganharam o toque estético do artista plástico goiano Toninho Euzébio, conhecido por fazer intervenções em fotografias, com desenhos inusitados e até divertidos.

Fonte: Gecom/Mútua

Fotos: Gecom/Mútua e Confea

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.