Agrônomos debatem segurança hídrica

Com o tema “Segurança Hídrica – Um Desafio para os Engenheiros Agrônomos do Brasil”, o Fortaleza sediará o XXX Congresso Brasileiro de Agronomia(CBA), que será realizado entre os dias 12 e 15 de setembro, no Salão Atlântico Hall do Marina Park Hotel, em Fortaleza. A previsão é de que, pelo menos, 1,5 mil profissionais da agronomia e da engenharia, de diversos estados do País, participem do evento.

O governador Camilo Santana irá ministrar a palestra magna do evento, que será aberto ás 19 horas do dia 12 de setembro. Santana, que é engenheiro agrônomo, irá expor sobre o plano de sustentabilidade para o desenvolvimento do Estado do Ceará. O CBA oferecerá aos participantes cerca de 26 palestras, painéis e um Fórum dos Coordenadores do Curso de Engenharia. O CBO deverá bater recorde em apresentação de trabalhos científicos, já são mais de 800 trabalhos que serão classificados e publicados nos anais do congresso.

Discussão
O evento seguirá cinco eixos temáticos: recursos hídricos, política profissional, meio ambiente e produção sustentável, segurança alimentar e inovações tecnológicas. Além de palestras, painéis e um fórum dos coordenadores de cursos de engenharia, o XXX Congresso Brasileiro de Agronomia (CBA) promoverá sete visitas técnicas, cuja escolha ficará a critério dos congressistas, no local do evento. As visitas serão realizadas no dia 15 de setembro nos seguintes locais: Fazenda Agrícola Famosa – uma das maiores produtoras de melão do País, em Icapuí; Fazenda Venezuela, produtora de flores em Guaramiranga; Empresa Naturágua, na Floresta do Curió; Estação de Poços, do Porto do Pecém; Embrapa Caprinos e Ovinos, em Sobral; e Museu da Cachaça, em Maranguape.

O evento é uma promoção da Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil (Confaeab) e, neste ano, será desenvolvido pela Associação de Engenheiros Agrônomos do Ceará (Aeac), com apoio institucional do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (Crea-CE), da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea (Mútua) e do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Ceará (Senge-CE).

 

Fonte: Jornal O Estado do CE 

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.