Crescimento da Agropecuária demanda investimento no setor

Mutualistas têm à disposição benefício específico para incrementar sua atividade no campo

Conforme indicam os dados do setor, a agropecuária brasileira está em franca expansão e oferece muitas oportunidades de crescimento para os profissionais da área. Quem é associado da Mútua e trabalha com este segmento pode aproveitar o benefício Agropecuário e incrementar sua plantação ou seu rebanho.

A linha de crédito destina-se à aquisição de animais, materiais, insumos, equipamentos, máquinas e implementos e, ainda, para a execução de serviços ligados à atividade agropecuária. Sua concessão pode ser feita em duas modalidades: Investimento, abrangendo máquinas e implementos, instalações, geradores e até mesmo animais e demais benfeitorias relacionadas à implantação, ampliação ou modernização da infraestrutura de produção e armazenagem; e custeio, para despesas com preparo do solo, sementes, fertilizantes, plantio, tratos culturais, colheita, beneficiamentos primário e armazenagem.

Os mutualistas contam com inúmeras vantagens na hora de contratar o benefício. O reembolso na modalidade investimento pode ser feito em até 36 meses, podendo o prazo máximo do contrato ser de até 42 parcelas,  incluindo carência de até 6 meses. Já para custeio, o prazo de carência é de até 12 meses – com reembolso em única parcela – e a taxa de juros, aplicada às duas modalidades, é de apenas 0,30% a 0,40% (acrescido do INPC médio dos últimos 12 meses).

Agropecuária deve continuar crescendo no segundo semestre

Levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que o Produto Interno Bruto (PIB) da agropecuária cresceu 0,2% no segundo trimestre de 2014, mediante a alta produtividade e o desempenho de algumas lavouras que tiveram safra relevante no período e que devem continuar em alta ao longo do segundo semestre.

Destaque para a soja, com expectativa de crescimento da produção anual no valor de 6,0%, o arroz com índice de 4,4%, a mandioca com 10,4 % e o algodão com 25,4 %. No acumulado do ano, o setor agropecuário já acumula crescimento de 1,20%, podendo alcançar o percentual anual de 2,5%.

 

Fonte: Acme/Mútua

Foto: Fotolia

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.