“Nomes de peso” já confirmaram presença no XXVIII Congresso Brasileiro de Agronomia

Roberto Rodrigues e o atual ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Estáquio Andrade Ferreira, já confirmaram a presença como palestrantes do XXVIII Congresso Brasileiro de Agronomia que será realizado de 19 a 22 de novembro em Cuiabá, capital de Mato Grosso. O "Engenheiro Agônomo do Século XXI", uma das temáticas principais do congresso, será tema da palestra do engenheiro agrônomo, político e professor Roberto Rodrigues. Já Antonio Andrade, deputado federal licenciado, engenheiro civil graduado pela Universidade Federal de Minas Gerais e produtor rural nascido em Patos de Minas (MG), discorrerá sobre "Novas Tecnologias e Bioética".
"Estamos confiantes que teremos um congresso rico em debates. Com estas confirmações fechamos a programação oficial do evento e também conseguimos o apoio do prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, que colocará todas as atividades da secretaria municipal de Cultura à disposição do Congresso", garantiu o presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Mato Grosso, João Dias, organizador e anfitrião do evento.  
Outra presença importante que está sendo anunciada é a do ex-ministro, Alysson Paulinelli, que discorrerá sobre produção de alimentos seguros e as barreiras comerciais e internacionais.  Paulinelli comandou o Ministério de Agricultura na década de 70 no período de abertura do Cerrado Brasileiro à agricultura, ganhador do Prêmio Mundial de Alimentação e da Agricultura – World Food Prize.
Também foram convidados os deputados federais Júlio Campos – da bancada mato-grossense, e Augusto Coutinho  – coordenador da Frente Parlamentar em Defesa da Engenharia e, o deputado estadual José Domingos, que participarão da mesa redonda sobre temas ligados a defesa dos interesses do agrônomo no Legislativo Federal e a atuação da Frente Parlamentar em defesa da engenharia e da agronomia.
Outras figuras de destaque do meio agronômico do país como Ângelo Zabata Trappe, Guilher Guimarães, Eduardo Daher, Alan Jorge Bojanic e Daniel Antônio Salati, irão participar. Àngelo Petto Neto, presidente da Confederação dos Engenheiros Agronomos de Brasil (Confaeab) e João Dias Filho, presidente da AEA-MT, instituições organizadoras do evento, irão coordenar grupos de trabalho. Os fatos e mitos sobre uso de agrotóxicos e a elaboração das propostas sobre legislação, fiscalização e ética compõem assuntos em discussão durante o congresso.
Não podiam deixar de estarem presentes o presidente do Crea-MT Juares Samaniego e do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), José Tadeu da Silva, que participarão dos ciclos de palestras e debates do evento. Em uma reportagem publicada na Web TV do Sistema Confea/Crea e Mútua, ele afirmou que as perspectivas para a área tecnológica no Brasil são positivas, tendo em vista o momento que o país atravessa e apontou o crescimento do número de candidatos inscritos nos últimos vestibulares para os cursos da área tecnológica. "Sem água e terra não há vida, mas isso o Brasil tem de sobra e temos de aproveitar e nossos profissionais estão diretamente ligados à qualidade de vida e transformações que a nossa sociedade precisa", afirmou. 
Tendo como tema central a "Segurança Alimentar e Nutricional",  o XXVIII CBA está programado para o período de 19 a 22 de novembro no Centro de Eventos Pantanal, em Cuiabá. A pauta de discussão é grande relevante e o congresso comportará ao menos oito eventos paralelos inclusive a “FAS-Feira Agroindústria Saudável, que diferente das feiras agropecuárias que acontecem no país não terá como foco a exposição de máquinas e indústrias mas sim serviços e tecnologias voltadas par auma agroindústria saudável. “Queremos também destacar a importância do papel do engenheiro agrônomo na sociedade atual e a produção de alimentos”, ressaltou Dias. Mais de 1,5 mil pessoas de todo o país já se increveram pelo site "www.congressodeagronomia.com", outras informações pelo telefone (65) 3315-3052.
 
Fonte: Crea-MT

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.