Presidente do Crea-RO prestigia Iª Semana de Engenharia de produção

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Rondônia (Crea-RO), o engenheiro civil Nélio Alencar,  juntamente com o presidente do Crea Jovem-RO, Gesson Magalhães, o assessor de Relações Institucionais do Crea, Odair Teles e o assessor, Assis Medeiros,  a convite da diretora da Universidade Federal de Rondônia (UNIR – Campus Cacoal), Drª. Elonice de Fátima Dal Magro, do coordenador especialista do curso, Nicolas Alessandro de Souza Belete, participaram da 1ª Semana Acadêmica de Engenharia de Produção, realizada na última semana, no Campus da UNIR Cacoal. O evento contou a participação de mais 50 acadêmicos.
 Na ocasião, Nélio Alencar falou da importância do Conselho na vida dos estudantes. “O Crea-RO precisa diminuir a distância que existe entre esses jovens, pois são eles que, no futuro, serão os novos profissionais do sistema Confea-Crea-RO. Reativei o programa CreaJovem-RO para aproximar a participação deles dentro do Crea”, disse.
 Gesson Magalhães, presidente do CreaJovem-RO explanou sobre a importância do Crea na vida acadêmica, que logo fará parte do dia a dia desses engenheiros de produção.
 Para Odair Teles é importante levar aos acadêmicos um pouco do sistema, conhecer as normas do Conselho e a importância do registro profissional, como Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), ética. “E também, para aqueles egressos e os que estão finalizando o curso”, declarou Teles.
 Na mesma semana, Odair ministrou uma palestra para aproximadamente 80 estudantes dos cursos Técnicos em Agropecuária, da Associação Rural de Pais e Professores Chico Mendes, a convite do professor, Vagner Paganim. “Os estudantes ficaram bem entusiasmados com a palestra e pediram que o Crea voltasse mais vezes”, frisou Odair.
 
Engenheiro de Produção

A duração do curso é de cinco anos, em regime semestral. Os engenheiros de produção são aliados importantes da sociedade. Eles lidam com o projeto, a modelagem, a implantação, operação, a manutenção e a melhoria de sistemas produtivos, integrando bens e serviços que envolvem recursos humanos, financeiros e materiais, tecnologia, informação e energia.

Fonte: http://www.rondoniaovivo.com

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.