Clima vai favorecer safra de grãos

A safra de grãos brasileira deste ano deve ser favorecida pelo clima de Norte a Sul do País, afirma o meteorologista da Climatempo Alexandre Nascimento. Sem a ocorrência do fenômeno climático “El Niño” que começou na temporada 2015/16, a chuva tende a se espalhar mais sobre o Brasil, até mesmo sobre a região de Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia).

Segundo o especialista, sobre o Sul – que teve um 2015 e o primeiro semestre de 2016 muito chuvosos e com perdas – já havia expectativa de menos precipitações e temporais, mas sem prognósticos de seca estendida, ou seja, o clima também vai ajudar. No Sudeste e no Centro-Oeste tem chovido frequente, intercalando com dias de sol.

“Desde o fim de dezembro a chuva deu uma trégua e os períodos de sol e de calor aumentaram, assustando os produtores, mas isso já deve mudar nos próximos dias, ou seja, o clima não deve ocasionar perdas grandes (apenas pontuais e sem grande significância). Pontos negativos: podemos ter chuva na colheita, principalmente no Sudeste e no Centro-Oeste e em Março. Outro ponto negativo é que o clima quente e úmido favorece o surgimento de pragas e doenças, como a ferrugem asiática e devemos ter um controle fitossanitário mais elaborado e preciso”, alerta.

“O clima também deve ser favorável para a safrinha neste ano, com bastante umidade no início do período e, pelo menos, algumas poucas pancadas de chuva em maio, favorecendo o fim do desenvolvimento. A próxima safra deve ser sem El Niño e sem La Niña e também deve ser favorecida”, conclui Nascimento.

Fonte: https://www.agrolink.com.br/

 

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.