Plenário decide sobre registro de candidaturas para conselheiro e eleições via internet

Durante a 4ª Sessão Extraordinária de 2016 , o Plenário aprovou o registro de candidatura da chapa composta por Marcos Cézar Azzi Paes e José Braga de Moura Sobrinho para o cargo de conselheiro federal titular e suplente, respectivamente, representantes dos Grupos Profissionais pelo estado de Rondônia (Modalidade Elétrica). A decisão acompanha o parecer do relator em recurso eleitoral, Mário Varela Amorim, que pela manhã foi sorteado  entre os 11 conselheiros para manifestar acerca do recurso impetrado contra a decisão tomada pela Comissão Eleitoral Federal (CEF), que indeferiu o registro da candidatura.

Eleições via internet
O Plenário rejeitou ainda, por 10 votos, a adoção do voto pela internet na eleição de conselheiro federal em 2016. Além disso, a Comissão Eleitoral Federal deverá se basear na Resolução 1.021/07, anexo II, que estabelece o regulamento eleitoral para eleição de conselheiro federal e de seu suplente, representantes dos grupos profissionais.

Fonte: Confea

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.