Mútua conclui sua participação no Congresso Internacional de Citricultura


Os diretores da Mútua-PR Waldir Aparecido Rosa e Paulo Gatti Paiva no estande da Mútua no evento

Durante toda essa semana a Mútua-PR participou, em Foz do Iguaçu (PR), do 13º Congresso Internacional de Citricultura, evento promovido pela Sociedade Internacional de Citricultura, que se encerra nesta sexta-feira (23).

O congresso, que acontece a cada quatro anos, contou nesta edição com mais de 1.000 inscritos de 50 países e foi organizado pelo Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) em parceria com o Instituto Agronômico de Campinas (IAC).

Desde a segunda-feira, diversos debates foram promovidos e a sustentabilidade da citricultura foi a principal tendência apontada para o setor para os próximos anos. Os temas envolveram o que há de novidade no mundo em ciência para o cultivo, controle de pragas, adubação e nutrição das plantas e inovação tecnológica para a indústria de processamento das frutas.

Além das palestras, os participantes também puderam visitar os 30 estandes de empresas e instituições montados em uma feira de divulgação. Entre os expositores, a Mútua-PR, em parceria com o Crea do estado, levou para o local um posto de atendimento onde os congressistas receberam todas as informações referentes aos benefícios oferecidos pela Caixa de Assistência.


No espaço em conjunto com o Crea-PR, a Mútua e o Conselho divulgaram informações sobre o Sistema

Citricultura brasileira

O Brasil é o maior produtor mundial de laranja e sucos cítricos, com uma produção anual de 20 mil toneladas de frutas por ano. Favorece o cultivo de citros o solo, o clima, a pesquisa agronômica em busca de cultivares produtivas resistentes e também à indústria processadora e logística de distribuição.

No Paraná, a laranja é a principal fruta cultivada no Estado e corresponde a uma movimentação de R$ 315 milhões anuais brutos. O parque industrial e os pomares estão com estrutura consolidada principalmente na região Noroeste, onde se concentra a produção da fruta.


O Congresso teve um público bastante expressivo

Fonte: Gecom/Mútua (com informações da Agência de Notícias do Paraná)

Fotos: Mútua-PR

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.