Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho é lembrado pela Mútua

Hoje é dia de reflexão e de alertar toda a sociedade sobre a importância das mediadas de prevenção dos acidentes de trabalho. Dia 28 de abril é o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trabalho, data estabelecida em alusão ao acidente que matou 78 trabalhadores em uma mina no estado da Virgínia (EUA), em 1969. No Brasil, segundo dados da Associação Nacional de Engenheiros de Segurança do Trabalho (Anest), são registrados 84 acidentes por hora, sendo a média de oito mortes por dia.

Para José Leandro da Silva Neto, presidente da Associação, a data é tratada como marco em busca do respeito para a massa trabalhadora, com sistemas seguros de trabalho e ambientes salubres. Em 2014, o total de acidentes do trabalho e mortes teve uma queda de 3% e 2%, respectivamente, se comparado com 2013. No caso das doenças do trabalho, a queda registrada foi maior, em torno de 9,0%, também em comparação com 2013.

Segundo Silva Neto, apesar das melhorias atingidas nos últimos anos, os números ainda assustam, não só pelo aspecto social, como também financeiro. Os custos desses acidentes podem chegar a R$ 34 bilhões por ano, dinheiro que poderia custear mais de 2,2 milhões de casas populares. “O distanciamento do governo federal nessa questão é muito grande. O MTE, como órgão máximo de fiscalização das condições de trabalho, atua em situações precárias. São prédios interditados em quase todas as regiões do país, quadro de fiscalização muito abaixo da necessidade e fiscais sem formação em engenharia de segurança e medicina do trabalho”, diz.

A Anest, juntamente com órgãos do Sistema Confea/Crea e Mútua, defende que o governo realize concurso público para engenheiros de segurança e médicos do trabalho com a máxima urgência. Isso por considerar que o envolvimento de engenheiros e especialistas é fundamental na busca por um país mais seguro para nossos trabalhadores.

A todas aquelas famílias que perderam um ente querido enquanto exercia sua atividade laboral e a todos aqueles que já sofreram algum acidente de trabalho, a Mútua presta sua solidariedade. Também empenhada para que, a cada dia, a Engenharia de Segurança do Trabalho seja fortalecida em nosso país, a Caixa de Assistência homenageia os trabalhadores brasileiros que enfrentam obstáculos para desempenhar suas funções da melhor forma possível.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.