Evento sobre água e energia motiva visita de dirigentes da FMOI e Upadi à Mútua


Marcelo Morais, Gerson Taguatinga, Jorge Silveira, Edemar Amorim, Paulo Guimarães, Jorge Spitalnik, Paulo Viana e Julio Fialkoski

Jorge Spitalnik, engenheiro mecânico e presidente da Federação Mundial de Organizações de Engenharia (FMOI), e o diretor financeiro da União Pan-americana de Associações de Engenheiros (Upadi) e vice-presidente da Federação Brasileira de Associações de Engenheiros, Agrônomos e Arquitetos (FEBRAE), engenheiro civil Edemar de Souza Amorim, acompanhados do conselheiro federal engenheiro mecânico Paulo Roberto Lucas Viana, visitaram a Mútua nesta quinta-feira (3). Recepcionados pela Diretoria Executiva da Mútua, os dirigentes internacionais estiveram na Sede da Caixa de Assistência, em Brasília (DF), para formalizar convite para que a Instituição participe da Conferência Internacional “Novas Abordagens para Fornecimento Sustentável de Água e Energia”, evento que acontecerá em junho deste ano, na capital federal.

“Essa será uma oportunidade de inserção internacional da Mútua, com a disseminação do papel que a Caixa de Assistência exerce junto aos profissionais brasileiros. Estar presente nessa conferência será uma valiosa troca de experiências, pois Argentina e Paraguai, que estarão presentes, têm iniciativas parecidas com as nossas”, argumentou o diretor-presidente da Mútua, engenheiro civil Paulo Roberto de Queiroz Guimarães. Spitalnik completou informando que, anos atrás, a Venezuela sugeriu a criação de um Comitê de Assistência Social, mas que infelizmente o projeto não vingou. “Acho muito positivo para os profissionais terem uma Instituição como a Mútua, que oferece grande tranquilidade nos momentos de preocupação que aparecem ao longo de nossas vidas pessoais e profissionais”, comentou.


Jorge Spitalnik: reconhecimento da importância da Mútua
 

Formatada em uma reunião da Organização dos Estados Americanos (OEA) em que a Upadi esteve presente, a Conferência que será sediada em Brasília, informou o vice-presidente da União, nasceu dos anseios por melhores condições e políticas na gestão dos recursos hídricos e energéticos em todos os países que compõem o grupo. “Todas as nações durante essa reunião relataram problemas relacionados à água e à energia. Diante disso, decidimos realizar esse grande evento para discussão desses dois importantes temas”, evidenciou. Além da Upadi e da FMOI, a Conferência também é organizada pelo Confea.

O diretor de Tecnologia, Marcelo Gonçalves Nunes de Oliveira Morais, relatou detalhes sobre a campanha da Mútua pelo Dia Mundial da Água e mencionou que a intenção é que a Caixa de Assistência esteja também presente no Fórum Mundial da Água, em 2018. Identificadas oportunidades de se trabalhar a temática dos recursos hídricos e as profissões do Sistema Confea/Crea e Mútua, o objetivo é trazer o tema para o universo da Mútua, divulgando, simultaneamente, a própria Caixa de Assistência e a procedência e competência da área tecnológica em atuar no setor, discutir os problemas e propor soluções cabíveis e sustentáveis.

Além das tratativas acerca da Conferência, os diretores da Mútua falaram sobre o histórico de criação da Instituição e alguns dos projetos em andamento e em estudo, como a criação do benefício bolsa de estudos, melhorias na oferta de planos de saúde e previdência complementar, entre outros. O diretor administrativo da Mútua, engenheiro mec. Julio Fialkoski, felicitou Spitalnik pelo cargo na entidade. “Um orgulho termos você na FMOI. A Diretoria Executiva da Mútua deseja sucesso e reitera que está à disposição para colaborar naquilo que for possível”, salientou.

Momentos antes da reunião na Mútua, os visitantes estavam trabalhando na Comissão de Inserção Internacional do Confea, que visa fomentar discussões relacionadas à globalização, permitir o intercâmbio técnico-científico, fortalecer a troca de experiências, além de estabelecer parâmetros e convênios que permitam a integração das atividades profissionais de diversos países. O conselheiro Paulo Roberto Lucas Viana, que também é coordenador da Comissão de Ética e Exercício Profissional (CEEP), comentou que está em fase final a revisão e padronização das normas de fiscalização e ainda informou que o Confea acabou de criar mais um importante grupo de trabalho, a Comissão de Criatividade e Inovação Tecnológica.

 

Fonte: e fotos: Gecom/Mútua

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.