Relatório da Mútua do triênio 2012-2015 é apresentado no Confea


À mesa de condução dos trabalhos: eng. flor. Glauber Márcio Sumar Pinheiro, coordenador da coordenadoria da Câmaras Especializadas da Engenharia Florestal (representando todas as coordenadorias de câmaras), eng. civ. José Tadeu da Silva, presidente do Confea, eng. civ. Paulo Roberto de Queiroz Guimarães, presidente da Mútua, e Angelo Petto Neto, presidente da Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil – Confaeab (representando as entidades de classe)

A Sessão Plenária do Confea do mês de agosto começou nesta quarta-feira (26) com a tradicional apresentação do relatório da Mútua. O novo presidente da Caixa de Assistência, eng. civ. Paulo Roberto de Queiroz Guimarães, compôs a mesa dos trabalhos, saudando os presentes e informando como está o andamento dos trabalhos da nova Diretoria nesse segundo dia de gestão. “Os diretores estão tomando conhecimento das áreas e das rotinas da Instituição”, disse ele, que convidou o ex-presidente eng. agr. Cláudio Calheiros para fazer a apresentação do relatório de sua gestão, triênio 2012/2015.

Para acompanhar os trabalhos do Plenário, ainda estiveram presentes os diretores da Mútua eng. civ. Gerson Taguatinga, diretor financeiro, eng. mec., civ. e de Seg. Trab. Júlio Fialkoski, diretor administrativo, e eng. civ. Marcelo Morais, diretor de Tecnologia, além do ex-diretor financeiro, da gestão 2012-2015, téc. Em Edif. Lino Gilberto da Silva, e os gestores Lúcio Aparecido dos Anjos (Tecnologia) e Rodrigo Barbosa Castilho (Previdência).


Os diretores da Mútua Júlio Fialkoski e Marcelo Morais


Também presente Gerson Taguatinga, diretor financeiro da Mútua

Crescimento da Mútua: trabalho em conjunto

“O trabalho desenvolvido pelos diretores executivos, diretores regionais, gestores e colaboradores da Sede e das Caixas, com o apoio desse Plenário, do presidente José Tadeu, dos presidentes de Creas e de entidades de classe, foi fundamental para alcançarmos as metas estabelecidas para a gestão”, disse Calheiros ao iniciar a exposição do relatório.

Calheiros pontuou as principais metas alcançadas no período, enfatizando o grande crescimento da Mútua, essencialmente nos quesitos de concessão de benefícios, associatividade, reformulação dos regulamentos dos benefícios e criação de novos, modernização dos sistemas e equipamentos de informática, no controle e na gestão financeira, ampliação da qualificação dos colaboradores e implantação do plano de cargos e salários, fortalecimento e aumento dos convênios com Creas e entidades, entre outros. “Cada diretor conduziu com dedicação e primazia as ações de sua pasta, contribuindo para o sucesso da Mútua como um todo”, avaliou.


Calheiros fez a apresentação do relatório de sua gestão

Ele mais uma vez agradeceu a confiança dos conselheiros, destacando a responsabilidade e o empenho com que o Plenário aprovou as propostas de sua Diretoria Executiva, como os novos seis benefícios reembolsáveis que a Mútua passará a oferecer a seus associados. Ao indicar os números do período, o ex-presidente informou diversos dados, como o número de benefícios concedidos (sociais e reembolsáveis), valores renegociados, disponibilidade financeira, investimentos, entre outros. Citando o quantitativo de concessões do benefício social “Pecuniário”- que girou em torno de 307 mil entre agosto de 2012 (início da gestão) e maio de 2015 – Calheiros reforçou a importância desse auxílio. “É um Desafio para a nova Diretoria aumentar a concessão desse benefício, fazendo com que ele chegue cada vez mais aos associados que necessitam, porque esse é o papel primordial da Mútua, amparar aquele profissional em necessidade”. O Pecuniário tem caráter não reembolsável e se destina a conceder auxílio financeiro mensal ao associado carente de recursos, em evidente necessidade de sobrevivência.

Ao concluir, o engenheiro agrônomo alagoano desejou sucesso aos novos diretores, almejando que a Mútua continue no caminho de prosperidade e que, cada vez mais, os profissionais compreendam a missão da Instituição e se unam em torno do sentimento do mutualismo. Foram entregues, ainda, exemplares da publicação " Mútua – Relatório de Gestão 2012-2015" com todos os dados e informações referentes às atividades da organização no triênio.


Lino Gilberto e Rodrigo Castilho
 


Conselheiros Federais cumprem a programação dessa 1422ª Sessão Plenária Ordinária, que tem encerramento na sexta-feira (28)


Fonte: Acme/Mútua

Fotos: Alline Abreu (Acme/Mútua)

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.