Mútua já concedeu mais de 44 milhões em benefícios aos associados em 2015, aponta relatório apresentado na Plenária do Confea


Engenheiro civil João Luiz de Oliveira Collares Machado, coordenador de Câmaras Especializadas da Engenharia Civil, engenheiro mecânico Marco Antonio Amigo, presidente do Crea-BA e coordenador do Colégio de Presidentes, engenheiro civil José Tadeu da Silva, presidente do Confea, engenheiro agrônomo Cláudio Pereira Calheiros, diretor-presidente da Mútua, e engenheiro mecânico Jorge Ney Britto, presidente da Fenemi e coordenador do Colégio de Entidades Nacionais

Mostrando as principais ações institucionais realizadas pela Mútua desde a última Plenária do Confea, o diretor-presidente da Caixa de Assistência, engenheiro agrônomo Cláudio Calheiros, iniciou, na manhã desta quarta-feira (27), a apresentação do relatório de desempenho da Mútua, explanação feita em todas as reuniões do Colegiado.

Esta é a 1420ª Sessão Plenária do Confea, que reúne os 17 conselheiros federais e o presidente do Conselho Federal, engenheiro civil José Tadeu da Silva. Na pauta do encontro estão questões oriundas das Comissões da Casa e outras propostas, que serão analisadas até sexta-feira, último dia da sessão.

Relatório da Mútua


Calheiros falando sobre a rentabilidade do TecnoPrev

Englobando também dados estatísticos, o relatório da Mútua apontou que a Caixa de Assistência já concedeu mais de 44 milhões aos profissionais associados, somente nestes primeiros cinco meses de 2015. "Ao longo de toda a existência da Mútua, a Instituição repassou mais de 560 milhões aos nossos associados. A partir de 2009 tivemos um grande aumento na concessão dos benefícios devido ao processo de descentralização, que possibilitou que os repasses dos benefícios sejam realizados diretamente pelas Regionais. Neste ano, a Mútua já disponibilizou mais de 44 Milhões aos associados. Esse dado mostra que os recursos da Mútua estão chegando às mãos dos profissionais", avaliou Calheiros.

A associatividade da Mútua alcançou índices superiores a 46 mil inscrições e a rentabilidade do TecnoPrev já acumula 5,85% no ano. Esses foram outros dados informados pelo presidente da Mútua.

Calheiros ainda teceu comentários sobre a tramitação do projeto de criação de oito novos benefícios e da proposta de reformulação dos regulamentos dos benefícios já existentes. "Temos expectativa de que em junho consigamos concluir a apreciação dessas questões aqui no Confea. Temos trabalhado com muito afinco para oferecer ainda mais benefícios aos associados", enfatizou ele.

Após a exposição do documento, o presidente da Mútua elucidou algumas dúvidas dos conselheiros, explicando aspectos ligados à política de investimentos do TecnoPrev, os índices de inadimplência de reembolso de benefícios e taxas de juros dos benefícios.

 


Os diretores da Mútua, engenheiro eletricista Antonio Salvador da Rocha (diretor de Tecnologia) e técnico em Edificações Lino Gilberto da Silva (diretor financeiro) acompanharam a apresentação

 

Fonte: Acme/Mútua

Fotos: Alline Abreu (Acme/Mútua)

Compartilhe essa postagem:

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.