Morre um dos Baluartes da Agrometeorologia Brasileira

Com pesar, informamos o falecimento do professor e agrometeorologista Nilton Vila Nova, nessa terça-feira (4), em Piracicaba, aos 82 anos. Segundo familiares de Villa Nova, o professor estava hospitalizado desde o último dia 24 de março e há anos sofria com Alzheimer.

Villa Nova nasceu em São Paulo, em 1933, era casado com a senhora Roselis Jose Schiavon e deixa quatro filhos: Nilson, Marcos, André e Victor, além de quatro netos. Era formado em Engenharia Agronômica, pós-graduado em Meteorologia Agrícola e
doutor em Agronomia pela USP (Universidade de São Paulo). Aposentou-se em 1989 na ESALQ, porém, continuou como pesquisador e docente voluntário, e como bolsista de Produtividade de Pesquisa pelo CNPq. Entre seus feitos, em 2008 recebeu o Prêmio Fundação Bunge, na área de Agrometeorologia, na categoria Vida e Obra.

A Mútua consterna-se com os familiares e amigos do profissional, expressando sinceros votos de pêsames a todos.

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.